Finalmente

domingo, 25 de janeiro de 2009

Uma oportunidade para o Tim Tim e Gaspar!Já sofreram muito

video

Peço-vos pf que ajudem estes meninos a terem finalmente um Lar, um cantinho que seja só deles, para serem felizes até ao resto dos seus dias.

"Provavelmente alguns de vós já ouviram falar neste dois manos.
A sua vida tem sido ingrata desde que nasceram...Vieram ao mundo num lugarejo nos arredores de Coimbra, alimentando-se dos restos dos caixotes do lixo. Sobreviviam assim, juntamente com a sua mãe (provavelmente os irmãos não terão resistido...).
Como se não bastasse a sua miséria e precariedade, foram brutalmente espancados durante meses a fio, até ao dia em que alguém que presenciava estes espancamentos diários resolveu "denunciar" a situação.
Quando o fez, e com receio de represálias dos vizinhos (sim, eram eles os agressores), tentava esconder os meninos, resguardando-os de mais maus tratos (escondia-os durante a noite).
Este acto salvou o Tin Tin e o Gaspar, mas não a sua mãe, que foi espancada até à morte, tendo os filhotes e os algozes como testemunhas.
O "problema" da mãe dos meninos foi o facto de nunca se ter deixado apanhar, ou mesmo permitir qualquer tipo de aproximação de um ser humano - a experiência provavelmente ensinou-a a temer "pessoas"...Face a esta situação, e sabendo que seriam os próximos a ter o mesmo fim, conseguiu-se o seu resgaste e posterior reencaminhamento para um local onde imperasse a paz e a segurança, rodeados de afecto e carinho.
Hoje, são meninos felizes e perfeitamente sociabilizados graças ao extraordinário trabalho desenvolvido por quem nunca desistiu deles. Mas as marcas nunca passarão... O Gaspar tem fracturas nas costelas que entretanto calcificaram. Não se sabe como não perfurou algum orgão vital...Já o Tin Tin, ficou com marcas dos maus tratos numa patinha dianteira, apesar de não ter qualquer problema de mobilidade ou de dificuldade em movimentar-se - aliás, só através de um exame mais profundo é que se constatam as evidências da brutalidade a que foi sujeito.

-O Tin Tin é raçado de podengo, jovem (cerca de 2 anos), brincalhão e bem disposto.
- O Gaspar tem um couto como cauda e uns belos "laçarotes" como orelhas. Tem a mesma idade. É de um temperamento extremamente sensível e carente, bem como tímido
(contrariamente ao Tin Tin).
Encontram-se ambos em Lisboa.
São ambos uns doces e precisam da nossa ajuda! "

Contacto para adopção:
Catarina Marques 933 929 100

-catarinaisabmarques@gmail.com
-ruimiguellsantos@gmail.com

( o vídeo é de quando ainda se encontravam num espaço precário, encontrado na altura (em 2006).

Sem comentários: